StrCon - Consultoria em TI.

Main Menu

Trial de Produtos

Hyper-V

E-mail Imprimir PDF

 

Windows Server 2008 Hyper-V




Entre em contato


O Hyper-V, um recurso chave do Windows Server 2008, já foi liberado para a versão RTM (release to manufacturing) e está disponível para implantação em ambientes de produção. Uma versão beta do Hyper-V foi incluída no Windows Server 2008 e esta atualização oferece a versão final. Para obter mais informações sobre a tecnologia Hyper-V, acesse o site doHyper-V Server 2008.

A virtualização de servidor, também conhecida como virtualização de hardware, é o tema do momento no mundo de TI, devido ao seu potencial de grandes benefícios econômicos. A virtualização de servidor permite que vários sistemas operacionais sejam executados como máquinas virtuais (VMs) em uma única máquina física. Com a virtualização de servidor, você pode consolidar as cargas de trabalho de servidores pouco utilizados em um número menor de computadores com maior utilização. Com uma quantidade menor de máquinas, é possível reduzir os custos, por meio da diminuição da sobrecarga de energia, hardware e gerenciamento, e criar uma infra-estrutura de TI mais dinâmica. Para saber mais sobre a Microsoft e a virtualização, visite o site de Virtualização ou o TechCenter de Virtualização.

No Windows Server 2008, tudo o que é necessário para dar suporte à virtualização de servidores está disponível como um recurso completo do sistema operacional, denominado Windows Server 2008 Hyper-V. Com o Hyper-V como função e as diretivas flexíveis de licenciamento, ficou mais fácil do que nunca aproveitar os custos baixos da virtualização através do Windows Server 2008:

A Microsoft acaba de lançar a versão final do Hyper-V, a qual já se encontra disponível para download. Você pode efetuar o download da atualização para o Hyper-V RTM aqui e experimentar os avanços de estabilidade, usabilidade e desempenho.

Apresentando o Windows Server 2008 Hyper-V

O Windows Server 2008 Hyper-V, uma tecnologia de última geração de virtualização de servidor baseada em hipervisor, permite a melhor aplicação de seus investimentos em hardware de servidor, por meio da consolidação de múltiplas funções de servidor como máquinas virtuais (VMs) separadas, executadas em uma única máquina física. Com o Hyper-V, também é possível executar de forma eficiente vários sistemas operacionais diferentes—Windows, Linux, entre outros—em paralelo, em um único servidor, e aproveitar ao máximo o poder da computação x64.

Principais Cenários Para o Hyper-V

O Hyper-V fornece uma plataforma de virtualização dinâmica, confiável e escalonável, somada a um conjunto de ferramentas de gerenciamento integradas, para gerenciar tanto os recursos físicos como os virtuais, permitindo que você crie um centro de dados ágil e dinâmico. O Hyper-V possibilita:

Consolidação de Servidores

As empresas são pressionadas a facilitar o gerenciamento e reduzir os custos, ao mesmo tempo em que precisam manter e aprimorar suas vantagens competitivas, como flexibilidade, confiabilidade, escalabilidade e segurança. O uso fundamental da virtualização para a consolidação de vários servidores em um único sistema, mantendo ao mesmo tempo o isolamento, ajuda a suprir estas necessidades. Um dos principais benefícios da consolidação de servidor é a redução do custo total de propriedade (TCO), não apenas por diminuir os requisitos de hardware, mas também por reduzir os custos com energia, refrigeração e gerenciamento.

As empresas também podem se beneficiar da virtualização de servidor com a otimização da infra-estrutura, tanto do ponto de vista da utilização dos ativos, como da capacidade de balancear as cargas de trabalho através de diferentes recursos. Outro benefício é a flexibilidade avançada de todo o ambiente e a capacidade de integrar livremente cargas de trabalho de 32 bits e 64 bits no mesmo ambiente.

Continuidade de Negócios e Recuperação de Desastres

A continuidade de negócios é a capacidade de minimizar tanto o tempo de inatividade programado como o não programado. Isso inclui o tempo perdido nas funções de rotina, como manutenção, backup e interrupções de energia não previstas. O Hyper-V contém poderosos recursos de continuidade de negócios, como o backup em tempo real e a migração rápida, para que as empresas possam atender aos parâmetros rigorosos de tempo de ativação e resposta.

A recuperação de desastres é um componente central da continuidade de negócios. Desastres naturais, ataques mal-intencionados e mesmo os problemas simples de configuração, como conflitos de software, podem debilitar os aplicativos e os serviços, até que os administradores resolvam os problemas e restaurem os dados de backup. Com o aproveitamento das capacidades de agrupamento do Windows Server 2008, o Hyper-V agora oferece suporte para a recuperação de desastres (DR) dentro dos ambientes de TI e dos centros de dados, utilizando as capacidades de agrupamento geograficamente dispersas. A recuperação rápida e confiável de desastres e negócios ajuda a garantir potentes capacidades de gerenciamento remoto e a perda mínima de dados.

Desenvolvimento e Teste

Desenvolvimento e teste geralmente são as primeiras tarefas de negócios que usufruem da tecnologia de virtualização. Através do uso de máquinas virtuais, as equipes de desenvolvimento podem criar e testar uma ampla variedade de cenários, em um ambiente seguro e independente, o qual aproxima perfeitamente a operação dos servidores físicos e clientes. O Hyper-V maximiza a utilização dos hardwares de teste, reduzindo os custos, melhorando o gerenciamento do ciclo de vida e aprimorando a cobertura dos testes. Com recursos abrangentes de suporte aos sistemas operacionais guests e pontos de verificação, o Hyper-V fornece uma ótima plataforma para seus ambientes de desenvolvimento e teste.

Centro de Dados Dinâmico

O Hyper-V, em conjunto com as soluções de gerenciamento de sistema já existentes, como o Microsoft System Center, pode ajudá-lo a ter a visão de um centro de dados dinâmico, com sistemas de auto-gerenciamento e agilidade operacional. Por meio de recursos como a reconfiguração automatizada de máquinas virtuais, o controle flexível de recursos e a migração rápida, é possível criar um ambiente de TI dinâmico, que utiliza a virtualização não somente para resolver problemas, mas também para antecipar o aumento de demanda.

Principais Recursos do Hyper-V:

Arquitetura Nova e Aprimorada

A nova arquitetura de hipervisor micro-kernel de 64 bits permite que o Hyper-V ofereça uma ampla lista de métodos de suporte aos dispositivos, além de segurança e desempenho avançados.

Amplo Suporte a Sistemas Operacionais

Amplo suporte para a execução simultânea de diferentes tipos de sistemas operacionais, incluindo os sistemas de 32 bits e 64 bits em diferentes plataformas de servidores, como Windows, Linux e outros.

Suporte a Multiprocessadores Simétricos (SMP)

A capacidade de suporte para até quatro processadores múltiplos no ambiente de uma máquina virtual possibilita o aproveitamento total dos aplicativos multi-threaded.

Balanceamento de Carga de Rede

O Hyper-V engloba novas capacidades de comutador virtual. Isto significa que as máquinas virtuais podem ser facilmente configuradas para executar o Windows Network Load Balancing (NLB) Service, a fim de balancear as cargas entre máquinas virtuais de diferentes servidores.

Nova Arquitetura de Compartilhamento de Hardware

Com a nova arquitetura de provedor de serviço virtual/cliente de serviço virtual (VSP/VSC), o Hyper-V oferece acesso e utilização avançados dos recursos centrais, como disco, rede e vídeo.

Migração Rápida

O Hyper-V permite a migração rápida de uma máquina virtual em execução, de um sistema físico de hospedagem para outro, com um tempo de inatividade mínimo, aproveitando as capacidades já conhecidas de alta disponibilidade das ferramentas de gerenciamento do Windows Server e do System Center.

Instantâneo de Máquina Virtual

O Hyper-V oferece a capacidade de tirar instantâneos de uma máquina virtual em execução, para que você possa reverter facilmente a um estado anterior e aprimorar a solução de backup e recuperação.

Escalabilidade

Com suporte a múltiplos processadores e núcleos em nível de host e acesso avançado de memória nas máquinas virtuais, você pode fazer a escalabilidade vertical de seu ambiente de virtualização, a fim de oferecer suporte a uma grande quantidade de máquinas virtuais dentro de um determinado host e continuar a migração rápida para a escalabilidade através de múltiplos hosts.

Extensível

As interfaces e APIs baseadas no padrão WMI do Hyper-V permitem que os fabricantes de software independentes e desenvolvedores produzam com rapidez ferramentas personalizadas, utilitários e aprimoramentos para a plataforma de virtualização.

Nota: A Microsoft acredita que a maior parte dos clientes espera contar com as capacidades de virtualização nos sistemas operacionais de seus servidores. Entretanto, de acordo com a demanda dos clientes, o Windows Server 2008 poderá ser licenciado sem o Hyper-V. Para saber mais, visite a página Licenciamento sem o Hyper-V.

System Center Virtual Machine Manager

O gerenciador de máquinas virtuais System Center Virtual Machine Manager é uma solução de gerenciamento heterogênea e abrangente para centros de dados virtualizados. O Virtual Machine Manager possibilita uma melhor utilização do servidor físico, o gerenciamento centralizado da infra-estrutura de máquinas virtuais e o rápido fornecimento de novas máquinas virtuais pelo administrador e usuários finais. O Virtual Machine Manager oferece a melhor solução para o aproveitamento das habilidades e processos administrativos de TI, no gerenciamento de ambientes físicos e virtuais.

Para mais informações, visite o site do System Center Virtual Machine Manager.

 

 
Localização: Home Produtos Microsoft Virtualização Hyper-V